Em Rondonópolis: Professora autista agradece primeira-dama de MT pelo apoio após ser obrigada a reapresentar novo laudo a banca de concurso

0
112

Powered by WP Bannerize

A Giulyane Santana, de 25 anos, que é portadora do TEA (Transtorno do Espectro Autista), conseguiu uma decisão judicial no dia 7 deste mês para assumir a vaga no concurso público da Educação em Rondonópolis, no entanto, o município alega que faltam informações. A jovem, que passou em 1º lugar na categoria de Pessoas com Deficiência (PCD), ainda não assumiu a vaga.

No último sábado, dia 17 de fevereiro, a primeira-dama de MT, Virginia Mendes, compartilhou o caso da professora e declarou sua indignação. A professora Giulyane agradeceu o apoio por meio de uma publicação em seu Instagram.

“Gostaria de agradecer à primeira-dama do Estado, Virginia Mendes, que tomou ciência do meu caso e que abraçou essa causa. Hoje nem é mais sobre o concurso, hoje é sobre uma pessoa olhar para mim e definir o meu futuro, apenas olhando para mim sem entender a minha caminhada, descartando os meus anos de trabalho, minhas formações, meu conhecimento. Hoje é sobre isso. Não é apenas sobre um concurso, é sobre uma luta muito maior que é o capacitismo. Obrigada, Virginia Mendes, por ter abraçado essa causa”, agradeceu a professora.

Na publicação da professora, Virginia Mendes garantiu que ela não está sozinha. “Não permitiremos que tamanha injustiça seja feita e que o capacitismo se perpetue. Vamos combatê-lo e estou sempre à disposição para dar voz a essa causa tão nobre e importante, que é a inclusão, conte comigo, hoje e sempre”, reforçou.

A primeira-dama Virginia Mendes é idealizadora do programa SER Família Inclusivo, sob a gestão da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania, que além do auxílio de R$ 220 pago a cada dois meses às pessoas em situação de vulnerabilidade, ainda prevê outras ações sociais. Dentro da perspectiva e da bandeira defendida por ela, também foi implantada no Estado a Carteira de Identificação do Autista em 2022, que pode ser adquirida por meio do Aplicativo MT Cidadão, podendo ser impressa ou digital. A medida é prevista pela Lei nº 10.997/2019.

Outra conquista comemorada pela população, e também idealizada por Virginia Mendes em parceria com o Cuiabá Esporte Clube e com o apoio da Senadora Margareth Buzetti, é o camarote na Arena Pantanal, para atender os beneficiários da carteirinha com direito a um acompanhante, onde a cada partida na Arena, oito pessoas com autismo são sorteadas. E ainda, em parceria com a Secretaria de Educação do Estado de Mato Grosso (SEDUC), a primeira-dama Virginia Mendes conseguiu implantar a cartilha do Projeto Autismo na Escola, escrita pelo médico autista Enã Rezende e sua mãe, a psicóloga Érica Rezende.

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta