Os melhores do mundo

0
286

Powered by WP Bannerize

Depois de ter alcançado o posto de 7º melhor restaurante do mundo em 2022, A Casa do Porco, dos chefs Janaina e Jefferson Rueda, caiu cinco posições e ficou em 12º lugar neste ano no ranking The World’s 50 Best Restaurants. Quem subiu até o primeiro lugar foi o peruano Central, de Virgilio Martinez e Pía León, que agora lidera a lista depois de ficar em segundo lugar no ano passado. Os espanhóis Disfrutar, em segundo, e Diverxo, em terceiro, completam o pódio.

O título foi dado na cidade espanhola de Valência nesta terça (20), onde os melhores e mais aclamados chefs de cozinha prestigiaram o evento de revelação do ranking dos 50 melhores restaurantes do mundo de 2023.

Com a queda da A Casa do Porco, o Brasil saiu do top 10 e agora só tem três restaurantes entre os 100 melhores do mundo. O carioca Lasai ganhou 20 posições para o 58º lugar, enquanto o Oteque, do chef Alberto Landgraf, decaiu do 47º, em 2022, para o 76º neste ano.

Os paulistas D.O.M, Evvai e Maní, que estavam no ano passado nas colocações 53º, 67º e 96º, respectivamente, saíram do ranking. O restaurante de Alex Atala era o único entre os brasileiros que figurava na lista em todos os anos de existência do prêmio, em 21 anos, e ocupou a maior posição do país, quando ficou em 4º lugar em 2012.

O Central, aberto em 2012, entrou na lista do 50 Best apenas um ano depois da inauguração. O cardápio, que privilegia ingredientes típicos do Peru, faz referências às variadas altitudes do país: cada prato representa uma altura, desde os níveis abaixo do mar até mais de 5.000 metros.

A chef Pía, do líder Central, também teve vitória com seu outro restaurante em Lima, no Peru, o Kjolle (28º), sua primeira vez no top 50. O argentino Don Julio caiu cinco posições, para a 19ª.

O melhor restaurante da América do Norte é o Atomix, em Nova York. O melhor da Ásia foi Odette, em Singapura, em 13ª colocação.

Além da cerimónia de entrega de prêmios, foi realizado um fórum de liderança de pensamento #50BestTalks; as 50 Best Signature Sessions e encontros gastronómicos entre chefs internacionais e chefs valencianos. Dentre eles, os brasileiros da A Casa do Porco Janaina e Jefferson Rueda, cozinharam juntamente com a jovem Chef Vicky Sevilla do restaurante Arrels.

Para os interessados gourmets, o prêmio conta com a edição dos melhores restaurantes da América Latina, que será celebrada no Rio de Janeiro no dia 28 de novembro.

Desde 2002, a lista do The World’s 50 Best Restaurants classifica os 100 melhores restaurantes do mundo segundo o critério de mais de mil profissionais e entusiastas do setor. No ano passado, o número 1 da lista ficou para o restaurante Geranium, em Copenhague.

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta